Festival Curta Brasília começa com o pé direito

Textos relacionados

*Camila Maxi – Especial para o Daiblog – Diversão * Arte * Informação

A noite de abertura do 1º Festival Curta Brasília iniciou com o pé direito. Em exibição surpresa o curta Brasília, Contradições de uma Cidade Nova fez as honras do evento surpreendendo o público. A produção foi exibida pela terceira vez aos olhos curiosos, em toda sua história. O motivo é que seu diretor, o cineasta Joaquim Pedro de Andrade, foi censurado pelos próprios patrocinadores, após o fim das filmagens. O curta possui 22 minutos e foi apresentado em cópia remasterizada. “O filme tem valor simbólico para a história do cinema nacional, e não poderíamos começar o festival sem exibi-lo”, conta Ana Arruda, coordenadora e idealizadora do festival.

Mais de 200 pessoas compareceram no primeiro dia, e assistiram aos curtas no Programa 1, Animador, com direção de Cainan Baladez e Fernanda Chicolet. O Experimental Milonguita de Dos, de Carlos Lascano e Julieta Zarza. A Ditadura da Especulação, de Zé Furtado. A produção carioca Cowboy, de Tarcísio Lara Puiati, e A Dama do Estácio, de Eduardo Ades. No Programa 2, Uma, Duas Semanas, de Fernanda Teixeira. A animação #, de André Farkas e Arthur Gutilla, Zé do Pedal, Acima da Terra e Abaixo do Céu, de Viça Saraiva e Márcio Garapa. O brasiliense Deus, de André Miranda e Di Melo, O Imorrível, de Allan Oliveira e Rubens Pássaro.

Os curtas exibidos durante os quatro dias de festival concorrem aos prêmios Troféu Calango, pela Mostra Competitiva Brasília e Brasil, definidos a partir do júri popular. Troféu Brazucah, Cine B, Cinememória, ABCV e por fim, o Troféu UCDF. A mostra vai até domingo, e conta com 51 curtas-metragens de diversos cantos do país, resultando em um total de 853 minutos de projeções.

Festival Curta BrasíliaPrimeiro Festival de Curta-Metragem de Brasília
De 29 de novembro a 02 de dezembro de 2012
Teatro Nacional Cláudio Santoro – Sala Martins Penna
Entrada franca
Programação completa: www.curtabrasilia.com.br

Fotos: Daniel Martins

não deixe de ler

Comentários

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Publicidade

Veja também

Perfil: os trabalhos do cineasta Paulo Morelli

O cineasta paulista Paulo Morelli é um dos criadores da produtora Olhar Eletrônico, referência na produção independente no anos 90 e um dos fundadores...

Cinema Especial – Drew Barrymore

Drew Barrymore faz sucesso com o público há quase três décadas. Também é bem-sucedida atrás das câmeras, como produtora, com sua própria empresa Flower...

Conheça o diretor Felipe Sholl

Felipe Sholl é formado em Roteiro pela Escola de Cinema Darcy Ribeiro e em Jornalismo pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro. Fala...