Crítica de Casos de Amor à Tarde

Textos relacionados

*Por Michel Toronaga – micheltoronaga@daiblog.com.br

Hirugao ou Casos de Amor à Tarde é o nome de uma série japonesa que começa depois do matrimônio e do tal “felizes para sempre”. A história gira em torno de duas mulheres em diferentes fases da vida conjugal. A primeira é a inocente Sawa Sasamoto (Aya Ueto, de Azumi), que vive um casamento morno que se transformou numa grande amizade. Com um marido que não pensa em sexo e dá mais atenção aos animais de estimação, ela passa os dias sem felicidade.

A outra, Rikako Takigawa (Michiko Kichise), mudou-se recentemente para o bairro de Sawa. Esposa do editor de uma popular revista e com um alto padrão de vida, ela aparenta ser a esposa perfeita. Cuida da casa e das duas filhas. Só que, nas horas vagas, sai com outros homens cadastrados num site de encontros. As vidas das duas tomam rumos decisivos depois que elas se conhecem.


Amigas e cúmplices, elas acabam dividindo os segredos. Sawa, até então fiel, é influenciada por Rikako, que é uma mulher mais madura e decidida, A trama mostra o que acontece com ambas, que se envolvem em relações extra-conjugais complicadas. Em sigilo, Sawa acaba se apaixonando por um professor universitário e tem a chance de experimentar um namoro impossível. Mas será possível recomeçar?

A série traz poucos personagens e se concentra na dupla feminina e nos desdobramentos dramáticos que as traições causam em suas famílias. Apesar de o assunto estar presente em várias produções, ele é tratado de uma forma diferente. Existe toda uma culpa e arrependimento de Sawa. E isso faz toda diferença, ainda mais por ser uma atração japonesa, que revela uma sociedade com outros costumes e valores.

O roteiro foi inspirado no clássico A Bela da Tarde e faz algumas referências ao filme de Buñuel. Com uma melancólica trilha sonora e uma fotografia bem ensoralada que causa a impressão que tudo acontece de tarde – período dos casos – a série prende a atenção pela boa atuação das atrizes principais e pelo suspense que permeia os episódios. Os encontros são escondidos, mas como as duas são casadas, elas vivem em constante perigo. Uma boa atração que faz refletir sobre a cumplicidade de um relacionamento e sobre a possibilidade de dar uma nova chance para o amor. Destaque para a conclusão, um tanto imprevisível e que, provavelmente, não irá agradar quem está acostumado com clichês.
Cotação do Daiblog: DaiblogDaiblogDaiblogDaiblog

Veja a seguir um vídeo da série com a música-tema de Casos de Amor à Tarde:



Hirugao: Heijitsu gogo 3 ji no koibitotachi (Japão, 2014) Com Aya Ueto, Michiko Kichise, Takumi Saitô, Ayumi Itô, Haruka Kinami, Hôka Kinoshita, Yasushi Fuchikami, Kôsuke Suzuki…

não deixe de ler

Comentários

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Publicidade

Veja também

Cine Especial – Jude Law

Jude Law é considerado um dos melhores atores ingleses da atualidade, colecionador de atuações ricas e variadas no cinema e no teatro. Há pouco...

Destaques da filmografia da atriz Chloe Sevigny

Chloe Sevigny retratou uma freira numa cidadezinha da África devastada pela AIDS em “3 Needles”, escrito e dirigido por Thom Fitzgerald, com  Lucy Liu...

Perfil: a atriz e autora Bruna Lombardi

Bruna Lombardi é conhecida do grande público brasileiro por sua sólida carreira como atriz de cinema, TV e teatro, além de escritora, poeta, roteirista,...