Realismo faz o drama Aspirantes brilhar

Textos relacionados

O melhor ponto de Aspirantes é, sem dúvidas, o realismo. Primeiro longa-metragem de Ives Rosenfeld, o filme chama a atenção pela verdade que transborda de suas imagens. Os diálogos são tão naturais que nem parecem ter saído de um roteiro. Talvez seja por isso, somado à interpretação inspirada do elenco, que resulte num filme capaz de transmitir tão bem suas emoções em cada cena.

O título faz referência aos jogadores amadores de futebol que aspiram seguir uma carreira profissional. Ter o esporte como forma de ganhar a vida é o sonho do jovem Junior (Ariclenes Barroso), protagonista que vive em Saquarema, no Rio de Janeiro. Seu melhor amigo também quer entrar em algum time, por isso ambos tentam investir nessa carreira. Para sobreviver, Junior também trabalha. Mas a gravidez da namorada pode atrapalhar os planos.

Junior aluga um quarto na casa de um adulto, que parece sempre estar bêbado e não ter metade das responsabilidades do protagonista. Mas apesar de aparentar ter mais juízo que muita gente, existe uma postura um tanto inocente em Junior. Ele parece ainda não compreender como sua vida poderá mudar por causa do nascimento de um bebê e todas as implicações que surgirão ao se tornar pai.

Aspirantes é um trabalho bem humano, que segue caminhos mais dramáticos até o final. O curioso é que a curta duração (75 minutos) não é nenhum empecilho para que o resultado seja comprometido. Pelo contrário. Por ser tão enxuto, é um trabalho correto e que vai direto ao ponto. Assim como os bons curtas, se encerra deixando o público querendo ver mais um pouco sobre os erros e acertos do jogador sonhador.

*Por Michel Toronaga – micheltoronaga@cine61.com.br

não deixe de ler

Comentários

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Publicidade

Veja também

Destaques da filmografia da atriz Chloe Sevigny

Chloe Sevigny retratou uma freira numa cidadezinha da África devastada pela AIDS em “3 Needles”, escrito e dirigido por Thom Fitzgerald, com  Lucy Liu...

Perfil – Javier Bardem

Javier Bardem foi o primeiro espanhol a ser indicado ao Oscar de Melhor Ator, uma honra recebida por sua interpretação do poeta e dissidente...

A versatilidade do ator Jake Gyllenhaal

O ator indicado ao Oscar Jake Gyllenhaal se firmou como um dos mais promissores de sua geração. Suas atuações comoventes e variadas conquistaram público...