Produtora gaúcha libera catálogo de filmes

Textos relacionados

A produtora Ausgang disponibilizou no YouTube seu catálogo de títulos, que inclui dois longas e três curtas-metragens. Entre os filmes estão os longas-metragens de gênero Porto dos Mortos (2010), de Davi de Oliveira Pinheiro, também diretor dos curta online Another Empty Space (2015), e o inédito Desvios (2016), de Pedro Guindani. Os curtas Endotermia (2018) e Sob Águas Claras e Inocentes (2016) de Emiliano Cunha (Raia 4) completam a seleção de títulos da empresa sediada em Porto Alegre. O acesso aos filmes, disponíveis no canal, é mais uma alternativa cultural gratuita para o período de isolamento social durante a pandemia.

Lançado em 2010, Porto dos Mortos mistura road movie, western e zumbis. Vencedor de quinze prêmios internacionais, participou de 85 festivais em mais de 20 países, entre eles o Festival de Cinema de Havana. O crítico Mark L. Miller, do site Aint It Cool News descreveu o longa de Davi de Oliveira Pinheiro como “extremamente inventivo” e “uma experiência única”. Em um mundo pós-apocalíptico, um policial vingativo (Rafael Tombini) persegue um assassino serial demoníaco. Também está no ar o curtas do mesmo diretor Another Empty Space (2015), produção rodada em inglês durante o festival de Berlim. O título esteve na seleção de mais de 60 festivais.

Inédito no circuito comercial, o thriller Desvios (2016), do portoalegrense Pedro Guindani, participou de diversos festivais pelo mundo, entre elas o Festival de Cinema de Bogotá e Gramado. No último, arrancou elogios do crítico Luiz Carlos Merten do Estadão: “Gostei – muito”, escreveu à época. “Se o filme estivesse na competição, meu Kikito de ator (…) já teria dono. Seria de Rafael Mentges (…). Que que é esse cara? Reformulando – quem é esse cara? Bom demais”, conclui. Na trama, após dar um golpe milionário, o corretor de valores Daniel (Mentges) se esconde em um apartamento do centro da cidade. Pouco a pouco ele se deixa consumir pela paranoia do isolamento.

Integram o pacote de filmes duas produções escritas e dirigidas pelo cineasta Emiliano Cunha. O primeiro, Sob Águas Claras e Inocentes (2016) acompanha as últimas horas de alguém que se despede da vida, enquanto reconstrói sua identidade. A produção recebeu prêmios nos festivais de cinema de Gramado e Quito (Equador), entre outros. Já o curta vencedor de melhor som da Mostra Gaúcha em Gramado, Endotermia (2018), acompanha a espera de um casal de irmãos por aqueles que talvez nunca mais voltem para casa.

não deixe de ler

Comentários

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Publicidade

Veja também

Perfil – Julie Andrews

Julie Andrews é uma querida e aclamada estrela dos palcos, do cinema e da televisão há mais de meio século. Ela já era uma...

Cinema especial – Chris Pine

Chris Pine surgiu como um dos jovens atores mais requisitados de Hollywood. Em 2009, ele foi visto no sucesso de bilheteria da Paramount, parte...

Os múltiplos talentos de Anne Hathaway

Anne Hathaway alcançou o estrelato ao contracenar com Meryl Streep no sucesso de 2006, O Diabo Veste Prada. Ela foi vista no papel de...